sábado, 27 de setembro de 2014

Vidas certinhas




















Um dia,
não me lembro bem quando,
resolvi que iria levar
uma vida certinha,
para que a felicidade,
por fim,
viesse ter na minha casa.

Resolvi que não iria
mais contar meias verdades,
nem aceitar meias mentiras,
e falar a verdade,
doesse a quem doesse,
assim,
lavaria minhas mãos de
qualquer engano,
estaria livre das maldades
das pessoas.

Mas,
descobri no dia a dia,
que quanto mais objetivo
eu tentava ser,
mais distante ficava
das pessoas,
magoei muita gente,
perdi amigos.

Descobri que a verdade
pura e simples,
pode ferir mais que uma
faca afiada,
pode doer mais que
uma bofetada.

Descobri que o ser
humano precisa de um
pouco de ilusão,
encobrir certas verdades com
uma camada de sonho,
acreditar no que acredita
para seguir adiante,
e, principalmente,
aprendi que,
não existem regras para
todas às questões
mas questões e dúvidas
para todas às regras.

Ser sincero,
não significa ferir,
e omitir,
nem sempre significa
mentir.

TEXTO DE: Paulo Roberto Gaefke
* * * * *
Texto enviado aos amigos do
"Grupo Mensagem de Domingo"
no dia 28 de Setembro de 2.014.
* * * * *
AJUDE-NOS A AJUDAR
Só de clicar nos links
de propagandas
deste blog você ajuda a
Campanha Natal Solidário
que promovemos ha 20 anos.

quinta-feira, 18 de setembro de 2014

Espelho desfocado























"Quanto mais nos afastamos
de nós mesmos,
vivendo a superficialidade
do mundo,
mais nos desligamos
de Deus."

E nos vemos atolados em
uma lama invisível
aos olhos,
mas tão forte que impede
os nossos passos.
Uma prisão,
onde até nossa imagem
no espelho é desfocada.
O caminho que aparenta "tudo"
e nos leva ao "nada."

O mundo está cheio de
inutilidades
vendidas em lindas embalagens
para quem está vazio.
Assim,
animados pelo espírito
da indecisão,
o que desejamos pela
manhã já é diferente do que
queremos a noite.
Fruto do desencontro da
alma com o coração.

Armários repletos de roupas
que nem usamos,
sapatos que nem calçamos,
perfumes amontoados
na prateleira,
sonhos desfeitos,
remédios tarja preta,
e um sentimento de que
nada nos preenche.

Alma querida e aflita,
a resposta é tão simples;
como simples é a
complexa Vida:
preencha-se!

Busque o que não perece,
o que não morre na moda.
Leia bons livros,
ouça boas músicas,
vá ao museu,
ao teatro, ao circo.
Saia da rodinha de futilidades
e de gente fútil.
Encontre-se na
filosofia dos pensadores.
Converse com as pessoas
e ouça-as.
Tenha tempo para você,
para a vida fazer sentido
em você.

Antes que a lua venha se
 por diante do sol da
sua existência,
e você,
 imerso na depressão,
deixe-se morrer lentamente...
Ainda que viva mais
duzentos anos.

Preencha-se e encontre
Deus em cada canto
da sua alma.
E é claro,
mil motivos para sorrir,
lutar e amar.
Isto é viver a plenitude
da vida.
E você tem essa opção,
é só escolher,
porque a vida já te
escolheu.

TEXTO DE: Paulo Roberto Gaefke
* * * * *
Texto enviado aos amigos do grupo
"Mensagem de Domingo"
no dia 21 de Setembro de 2.014.
* * * * *
AJUDE-NOS A AJUDAR
Só de clicar nos links
de propagandas
deste blog você ajuda a
Campanha Natal Solidário
que promovemos ha 20 anos.

domingo, 14 de setembro de 2014

Solidão





















Solidão não é a falta de
gente para conversar,
namorar,
passear ou fazer sexo...
isto é carência.

Solidão não é o sentimento
que experimentamos
pela ausência de entes
queridos que não podem
mais voltar...
isto é saudade.

Solidão não é o retiro
voluntário que a gente se
impõe às vezes,
para realinhar os pensamentos...
isto é equilíbrio.

Tampouco é a pausa
involuntária que o destino
nos impõe compulsoriamente,
para que revejamos a
nossa vida...
isto é um princípio da
natureza.

Solidão não é o vazio
de gente ao nosso lado...
isto é circunstância.

Solidão é muito mais
que isto...

Solidão é quando
nos perdemos de nós mesmos
e procuramos em vão,
pela nossa Alma!

TEXTO DE: Fátima Irene Pinto
(Página 79 do Livro Palavras Para Entorpecer o Coração)
* * * * *
Texto enviado aos amigos do
"Grupo Mensagem de Domingo"
no dia 14 de Setembro de 2.014.
* * * * *
AJUDE-NOS A AJUDAR
Só de clicar nos links
de propagandas
deste blog você ajuda a
Campanha Natal Solidário
que promovemos ha 20 anos.

A Nova Parábola do Jovem Rico


















Jesus está sempre
passando pela Terra e
recentemente,
deparou-se com um jovem
muito bem sucedido que
lhe perguntou:
- Bom Mestre,
que farei para herdar a
vida eterna?

Respondeu-lhe Jesus:
Por que me chamas bom?
Ninguém é bom,
senão um, que é Deus.
Sabes os mandamentos:
Não adulterarás, não matarás,
não furtarás,
não dirás falso testemunho,
honra a teu pai e a tua mãe.

Replicou ele:
Tudo isso tenho observado
desde a minha juventude.

Ouvindo-o Jesus,
disse-lhe:
Uma coisa ainda te falta:
vende tudo o que tens,
dá-o aos pobres e terás um
tesouro nos céus;
depois, vem
e segue-me.

Nisso o jovem respondeu:
- Que é isso Mestre?
Tem um monte de representante
seu aqui na Terra que
pede apenas 10% de
tudo o que eu ganho e
vez ou outra,
um pagamento de um
"carnezinho"
ou depósito em conta
corrente em seu nome,
apesar de aparecer o nome
deles no depósito.

E tem mais,
com essa participação nos
meus lucros,
eles me garantem através
do pedaço da cueca sagrada
do apóstolo tal e da unção
generosa do
"Pastor João",
que eu já estou na
Graça.

Desculpa ai Mestre,
mas eu ainda prefiro os seus
representantes.
Fui ...

E assim,
segue a humanidade,
buscando quem dá mais
milagres por menos.

A grande lição de Jesus está
sendo esquecida:
a sua doutrina que prega amor,
simplicidade,
fraternidade,
perdão e a caridade.

Multidões se apertam
em lugares pelo mundo que
exploram a miséria,
a dor e a falta de juízo de
muitos que ouvem falar
em milagres aqui e ali e
saem em busca desses
"arautos da fé furada"
que conduzem ao nada,
a desilusão e ao descrédito
que levam o ser humano a
duvidar de qualquer coisa
"divina".
Divino é o amor,
o perdão e a tolerância.

Precisamos parar com
os discursos inúteis e fazer
realmente alguma coisa
por nós mesmos,
e assim,
através do exemplo
claro e inequívoco da nossa
vitória pessoal,
levar o próximo a
mesma vitória.

Enquanto isso,
Jesus segue recordando:
- Porque me chamas de bom?

Só Deus é
verdadeiramente bom,
e ninguém mais.

TEXTO DE: Paulo Roberto Gaefke
ARTE NA FIGURA: Nena Silva 

Texto enviado aos amigos do 
"Grupo Mensagem de Domingo" 
no dia 07 de Setembro de 2.014.
* * * * *
AJUDE-NOS A AJUDAR
Só de clicar nos links 
de propagandas 
deste blog você ajuda a 
Campanha Natal Solidário 
que promovemos ha 20 anos.

sábado, 30 de agosto de 2014

V i d a

Certa vez, 
alguém afirmou que 
a vida é um conto de 
fada escrito pela mão 
de Deus.

Seria muito bom 
se todos 
pensassem exatamente 
dessa maneira, 
mas, 
ao observar o que 
acontece ao nosso redor, 
podemos concluir que ela 
é também como uma cebola, 
que para ser descascada 
se faz necessário derramar 
algumas lágrimas.

A vida é tudo aquilo 
que acontece no dia-a-dia 
enquanto planejamos e, 
nem sempre, 
as situações transcorrem 
da forma como 
foi planejada por nós, 
o que nos leva a valorizar, 
cada vez mais, 
tudo o que já conquistamos 
com a graça de Deus, 
e que se encontra em 
nossas mãos.

A vida é 
cheia de mistérios, 
e, algumas vezes, 
somos flagrados tentando 
desvendá-los.

Alguém pode até achar 
que ela é tão 
cheia de mistérios, 
de sofrimento,
 podendo trazer tantos 
males que a morte não 
seria o mal maior.

O que seria a morte, 
senão outro mistério 
da vida?

Prefiro acreditar 
na vida como um livro 
que não precisa de outro 
autor que não seja 
o Criador.

Ele a planejou tão bem, 
que ela pode ser 
considerada como um 
romance que 
se escreve sozinho.

Nele, 
cada um de nós 
somos os protagonistas que, 
algumas vezes, 
a interpretam de forma 
diferente daquela que 
foi escrita.

Portanto... 
Viva e deixe sua vida 
ser escrita da forma como 
Deus desejou, 
mas procure caminhar 
sempre ao lado da verdade 
e das coisas boas que 
ele planejou.

Pense nisso!

TEXTO DE: Jesus Prado Amador
* * * * *
Texto enviado aos amigos do 
"Grupo Mensagem de Domingo" 
no dia 31 de Agosto de 2.014.
* * * * *
AJUDE-NOS A AJUDAR
Só de clicar nos links 
de propagandas 
deste blog você ajuda a 
Campanha Natal Solidário 
que promovemos ha 20 anos.

sábado, 23 de agosto de 2014
















A PONTE

Toda corrente de água
desliza entre duas margens.
Margens que detêm
e ordenam.
Que impedem de invadir
os campos.
Que lhe traçam um
caminho.

Duas margens
que permitem essa
água formar um todo
e realizar sua tarefa:
regar as planícies através
das quais desliza.

E as margens ficam
distantes uma da outra...
Elas, porém,
podem unir-se.
Aproximar-se.
Fundir-se quase,
quando sobre as águas se
estende uma ponte.

Olhando a ponte sente-se
a tarefa imensa e ao mesmo
tempo agradável,
executada pela ponte.

Como um abraço
amigo aproxima duas
separações.

Como um diálogo silencioso
faz conversarem duas
solidões.

Como a mão estendida
fraterniza dois
estranhos.

Se a ponte
pudesse sentir,
poderíamos,
sem medo,
qualificá-la de feliz.

Feliz por ser capaz
de tornar o outro
feliz.
E nunca se colhe maior
felicidade do que quando
se semeia felicidade.

A ponte tem,
para cada um de nós,
um profundo e significativo
simbolismo.
É a lição perene,
silenciosa e rica,
no dia-a-dia de sua missão
de ligar e aproximar.
De cortar distâncias.
De separar abismos.
Diante de uma ponte
nos ocorre
reflexões que alguém
escreveu:

"Em êxtase contemplativo
olho a ponte,
admiro a ponte,
escuto a linguagem da ponte:
... Sou forte, terrivelmente forte.
Resisto a todos e permaneço
sempre estática, mas
perseverante em meu
posto de serviço.
O segredo de minha força ???
De minha perseverança ???
De minha grandeza ???

Nasci para unir.
Vivo para unir.
Sirvo para unir !!! "

Como gostaria de ser
ponte também !!!
Para unir a terra aos céus !
Unir os desunidos.
Unir os desencontrados.
Unir os corações.

Seja como a ponte ,
ajude a unir!
Seja a união em pessoa!
Unir os corações hoje em
dia é fundamental para
que reine o Amor!

AUTORIA: Hugo Di Baggio
* * * * *
Texto enviado aos amigos do
"Grupo Mensagem de Domingo"
no dia 24 de Agosto de 2.014.
* * * * *
AJUDE-NOS A AJUDAR
Só de clicar nos links
de propagandas
deste blog você ajuda a
Campanha Natal Solidário
que promovemos ha 20 anos.

sábado, 16 de agosto de 2014

O ESPETÁCULO DA VIDA
















Que você seja um 
grande empreendedor. 
Quando empreender, 
não tenha medo de falhar. 
Quando falhar, 
não tenha receio de chorar. 
Quando chorar, 
repense a sua vida, 
mas não recue. 
Dê sempre uma nova chance 
para si mesmo.

Encontre um oásis 
em seu deserto. 
Os perdedores vêem os raios. 
Os vencedores vêem 
a chuva e a oportunidade 
de cultivar. 
Os perdedores paralisam-se 
diante das perdas e dos fracassos. 
Os vencedores começam 
tudo de novo.

Saiba que o maior 
carrasco do ser humano 
é ele mesmo. 
Não seja escravo dos seus 
pensamentos negativos. 
Liberte-se da 
pior prisão do mundo: 
o cárcere da emoção. 
O destino 
raramente é inevitável, 
mas sim uma escolha. 
Escolha ser um 
ser humano consciente, 
livre e inteligente.

Sua vida é mais importante 
do que todo o ouro do mundo. 
Mais bela que as estrelas: 
obra-prima do Autor da vida. 
Apesar dos seus defeitos, 
você não é um 
número na multidão. 
Ninguém é igual a você 
no palco da vida. 
Você é um ser humano 
insubstituível.

Jamais desista das 
pessoas que ama. 
Jamais desista de ser feliz. 
Lute sempre pelos seus sonhos. 
Seja profundamente 
apaixonado pela vida. 
Pois a vida é um espetáculo 
imperdível.

TEXTO DE: Augusto Cury
* * * * *
Texto enviado aos amigos do
"Grupo Mensagem de Domingo"
no dia 17 de Agosto de 2.014.
* * * * *
AJUDE-NOS A AJUDAR
Só de clicar nos links 
de propagandas 
deste blog você ajuda a 
Campanha Natal Solidário 
que promovemos ha 20 anos.